Pesquisa revela as 7 habilidades do DNA de um Tech Recruiter de sucesso 

Resultado será lançado no evento RH Tech Experience, que acontece no dia 28/09, às 19h, online e gratuito, e conta com a presença das Tech Recruiters Quesia Rodrigues e Daniela Santos  

Com o mercado de tecnologia em ampla ascensão, algumas profissões relacionadas à área têm surgido e ganhado espaço, como é o caso dos Tech Recruiters – profissionais graduados em Administração, Gestão de Recursos Humanos ou Psicologia com especialização em recrutamento e seleção de talentos de tecnologia.

Por ser uma profissão relativamente nova, que envolve e exige conhecimentos técnicos de duas áreas distintas (recrutamento e tecnologia), e por existir uma competição constante no mercado por profissionais de tecnologia, os Tech Recruiters enfrentam grandes desafios.

Com uma rotina corrida, eles precisam conhecer a fundo quais são as principais habilidades e conhecimentos que os gestores buscam para cada cargo, quais são as expectativas em relação ao novo colaborador, procurar no mercado os melhores talentos e fazer todo o processo de entrevista, testes e seleção.  

De acordo com a Tech Recruiter, Quesia Rodrigues, todo profissional precisa se atualizar, e o Tech Recruiter ainda mais. Não apenas entendendo a parte técnica, mas também cuidando das suas habilidades comportamentais. Quesia aproveita para dar deixar uma dica imperdível: “Dia 28 de setembro, às 19h, haverá um evento online e gratuito, o Rh Tech Experience, que especificamente abordará as principais habilidades do Tech Recruiter, sendo parada obrigatória para quem quer se diferenciar na área”.

Segundo a especialista e profissional da área de recrutamento em TI, Daniela Santos, “ser Tech Recruiter não é sobre tudo que você sabe, mas sim sobre tudo que você é capaz de aprender”. A profissional também destaca a importância de investir em constante conhecimento, desenvolver e aperfeiçoar o senso crítico e ampliar o networking e recomenda a participação em eventos, cursos e mentorias específicos para a área.

Pensando em gerar conteúdo e ferramentas relevantes que possam facilitar o dia a dia e alavancar a carreira do Tech Recruiter, a DIO, a maior plataforma tech da América Latina que conta com mais de 900.000 profissionais de tecnologia e já conectou milhares de talentos à Big Techs Globais, como Philips, Ifood, Inter, Volkswagen Digital Solution, GFT, Avanade, entre outras, realizou uma pesquisa com Talents Aquisitions parceiros para descobrir quais são as principais habilidades que todo Tech Recruiter precisa ter para se destacar no mercado.

O resultado da pesquisa será revelado no evento online e 100% gratuito, RH Tech Experience, dia 28 de setembro às 19h. O encontro contará com a presença de alguns profissionais de destaque no recrutamento e seleção em tecnologia, como as Tech Recruiters, Daniela Santos e Quesia Rodrigues, com participação especial do Software Engineer Specialist, Tino do canal Tech para RH.

Em primeira mão, o CEO & Founder da DIO, Iglá Genoroso, destaca que além de revelar as 7 habilidades do DNA de um Tech Recruiter de sucesso e desvendar como o profissional pode desenvolvê-las, também lançará a lista de Top Tech Recruiters Influencers 2022, para que os profissionais da área saibam quem são as referências e produtores de conteúdo que podem servir de inspiração para evolução na carreira. “A pesquisa e evento Rh Tech Experience é uma das iniciativas da comunidade incrível de Tech Recruiters que estamos construindo. Nosso objetivo é gerar conteúdo de qualidade, que auxiliem os profissionais, sirvam como fonte de aprendizado e também de troca de experiência”, explica o CEO.

Para se inscrever gratuitamente no evento, que acontecerá online, no dia 28/09, às 19h, o Tech Recruiter deve acessar este link.  

Sobre a DIO Fundada em 2018, a DIO é a primeira plataforma Open Education brasileira que tem como objetivo democratizar o conhecimento em desenvolvimento de software e tecnologias exponenciais para acelerar a formação de mais de 5 milhões de talentos digitais, conectando-os com grandes oportunidades que potencializam o desenvolvimento socioeconômico regional. Atualmente o ecossistema da startup conta com mais de 900 mil profissionais de tecnologia, 1.000 instituições de ensino, 2.000 embaixadores, 500 experts e mais de 1.000 empresas conectadas por meio dos programas educacionais.